Ótimo A história das tatuagens de henna


A historia das tatuagens de henna

A história das tatuagens de henna


Henna é uma vegetal da qual o corante de cheiro guloseima Henna é feito. Isso agora é amplamente utilizado uma vez que uma opção proveniente para tatuagens temporárias, no entanto, também pode ser utilizado para tingir cabelos, unhas e até tecidos e outros objetos que não respiram. Quando se trata de tinturas de cabelo naturais, a henna se presta a uma variedade de cores de cabelo, propriedades de espessamento e alisamento e tatuagens temporárias de cabelo. No entanto, o maior trunfo para tatuagens de henna são a vida útil incrivelmente longa; são virtualmente livres de manchas e raramente desbotam.

A henna é uma vegetal da qual o óleo (e por extensão o corante) é tirado e, quando usado uma vez que têxtil, geralmente é combinado com algodão e, às vezes, seda. A henna é mais frequentemente aplicada na pele temporariamente em conjunto com outras tatuagens temporárias. Embora não tenha sido originalmente desenvolvida uma vez que um meio de arte permanente da pele, a henna tem sido usada na tradição de piercing há séculos e permanece popular entre as sociedades tribais e tradicionais da Ásia. Tatuagens de henna fornecem um meio criativo único de se expressar; Diz-se que a henna proporciona felicidade, e a emprego de desenhos de tatuagem de henna no corpo é ainda mais popular durante as celebrações religiosas. Porquê a henna é baseada em vegetais, diz-se que os desenhos de tatuagem de henna possuem propriedades curativas.

Mehndi (Henna) é uma arte de pele tradicional do Oriente Médio que usa o óleo perfumado das folhas da vegetal de henna (Mehndi) para produzir padrões e desenhos na pele. A henna é tradicionalmente aplicada por uma mulher da família no corpo de uma moço, com o objetivo de produzir uma tatuagem de “boa sorte”, e muitos desenhos Mehndi, mormente aqueles com foco em flores e videiras, também são ditos para alongar os maus espíritos. Porquê a maioria das artes de pele do Oriente Médio, a henna é usada mais comumente para produzir padrões de pele tribais intrincados e coloridos, e às vezes também é usado para decorar sacos de estopa, tapetes de reza, tapetes, toalhas de mesa e tapetes para fins decorativos.

Porquê a pasta de henna contém corante e pigmento, às vezes é confundida com as cores naturais da henna, mas a diferença entre as duas é que a pasta de henna é feita de ingredientes à base de fécula em vez de henna verdadeira. A verdadeira henna vem da casca da vegetal de henna, enquanto a pasta de henna é criada pela mistura de henna com uma tinta à base de chuva. Porquê as cores da pasta de henna não vêm naturalmente em cores puras, os desenhos de tatuagem de henna podem ser obtidos usando pigmentos de cor, mas os pigmentos de pasta de henna estão disponíveis unicamente em amarelo, vermelho e laranja. Porquê as cores da pasta de henna podem ser instáveis ​​e mudar de tons de virente para vermelho puro com o tempo, os desenhos de tatuagem de henna não são recomendados para uso em feridas abertas ou áreas de pele quebrada.

Embora as tatuagens de henna sejam consideradas inofensivas, aqueles que são alérgicos à henna e ao látex podem suportar choque anafilático, inchaço no peito, dificuldade em respirar, cólicas estomacais, náuseas, vômitos e diarreia. Se você estiver interessado em fazer uma tatuagem de henna, é melhor testar a pele por pelo menos 24 horas antes de fazer uma tatuagem de henna. Testar a pele permitirá que um profissional determine se há alguma reação adversa à henna e se uma tatuagem de henna será um design adequado para a pele. A maioria dos tatuadores de henna usa suco de limão para empregar produtos de tatuagem de henna; no entanto, é importante testar todos os produtos de tatuagem de henna em um pequeno pedaço de pele primeiro para prometer que eles não causem irritação na pele.

Tatuagens de henna têm sido usadas em todo o mundo vetusto uma vez que arte corporal. A henna foi usada extensivamente na antiga Índia, Egito, Mesopotâmia e Grécia. A hena foi usada até mesmo durante o período bíblico, pois a Bíblia se referia à rainha de Siquém uma vez que uma divindade da hena. As tatuagens de henna permaneceram uma escolha popular para a arte corporal por séculos e evoluíram ao longo dos anos para se tornarem muito mais intrincadas e vibrantes.

Hena 0
Hena 2
Hena 3
Hena 5
Hena 6